Procure no Blog

1 de ago de 2011

FUTEBOL DO PIAUI 2011:COMERCIAL E PARNAHYBA SE DÃO BEM EM JOGOS DO FINAL DE SEMANA

Depois de permitir que o Sampaio Correa abrisse a contagem, o Comercial virou prá cima da Bolívia maranhense, líder do Grupo A2 da Série D do Campeonato Brasileiro, e quebrou a invencibilidade do Tricolor de São Pantaleão, vencendo-o por 2 a 1, em jogo disputado na tarde de hoje (31), no Estádio Albertão, em Teresina, somando seus primeiros três pontos na competição promovida pela CBF.

Comercial e Sampaio Correa teve início com 21 minutos de atraso, devido a falta do policiamento, que só chegou ao Estádio Albertão às 16h20. Dada a largada pelo árbitro cearense, o time maranhense começou melhor, dando a impressão de que chegaria a uma fácil vitória sobre o campeão piauiense. Todavia, aos poucos, o Bodão foi equilibrando as ações e logo passou de dominado a dominador. E as oportunidades foram sendo criadas, constantemente, mas sempre encontrando, no goleiro Rodrigo Ramos, um verdadeiro paredão. Nas melhores oportunidades, ele apareceu para salvar a meta sampaína milagrosamente.

E como quem não faz leva, o Sampaio foi ao ataque e chegou ao primeiro gol da partida aos 36 minutos, através de Edgar. Quando todos esperavam a vitória parcial do Sampaio na primeira fase, o goleador Zé Rodrigues empatou aos 45 minutos, dando nova esperança para a torcida piauiense. Um gol providencial, evitando que o time piauiense fosse para o intervalo com placar adverso.

Na fase final, o jogo voltou a ficar equilibrado, mas o Comercial continuou perdendo gols. Numa grande oportunidade, Zé Rodrigues deixou de marcar, com a partida caminhando para o seu final sem que o Comercial transmitisse a confiança de que iria vencer o lider do grupo. Mas a estrela do técnico Aníbal voltou a brilhar. Faltando 10 minutos para o final da partida, ele tirou Juba e colocou o atacante Ricardo Oliveira. E foi ele, Ricardo Oliveira, quem aproveitou um bate-rebate na área timbira e deu a vitória ao Bodão, de virada, quebrando a invencibilidade do bicampeão maranhense na Série D do Campeonato Brasileiro.

Com esta vitória, o Comercial soma seus primeiros três pontos na competição, deixando a lanterna para o São Raimundo, do Pará. E o Sampaio, apesar de conhecer sua primeira derrota, permanece na liderança da chave, com 6 pontos ganhos. O próximo jogo do campeão piauiense será na noite de sábado (06), às 19 horas, contra o Trem, representante do futebol amapaense.

FICHA TÉCNICA

COMERCIAL 2x1 SAMPAIO CORREA (Campeonato Brasileiro - Série D - 1ª Fase - 3ª rodada - Grupo A2); Data: 31/07/2011 (domingo à tarde); Local: Estádio Albertão (em Teresina); Arbitragem: Gleysto Gonçalves da Silva (Ceará), auxiliado por José Walmir dos Santos Xavier e Rogério de Oliveira Braga.

Gols: Edgar 36 e Zé Rodrigues 45 do 1° tempo; Ricardo Oliveira 39 do 2°.

Comercial - Neto; Barata (Tote), Rafael Araújo, Juba (Ricardo Oliveira) e Fred; Ivanzinho, Cleiton, Evandro e Fábio (Kel); Zé Rodrigues e Toni. Técnico: Joaquim de Oliveira Lemos Júnior (Aníbal Lemos).

Sampaio Correa - Rodrigo Ramos; Marquinhos, Mimica, Wallax e Deca; Luis Maranhão, Robson Simplicio, Marcus Vinicius (Kleo) e Cleitinho; Orlando (Marcelo Maciel) e Edgar (Jonatan). Técnico: Josué Teixeira.

PARNAHYBA LARGA NA FRENTE AO VENCER O 4 DE JULHO NO ESTÁDIO MÃO SANTA


Num dia em que viveu momentos de herói e vilão, o atacante Da Silva reassumiu a liderança da artilharia do Campeonato Piauiense e o Parnahyba derrotou o 4 de Julho, neste domingo (31), no Estádio Mão Santa, em Parnaíba, por 3 a 0, no primeiro jogo da decisão do segundo turno do Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais. Agora, um simples empate em Piripiri, no próximo domingo, dará o título do returno ao time do litoral.

Um grande público se fez presente ao Piscinão, na cidade de Parnaíba. Acredita-se até mesmo que o público pagante foi bem menor que o real presente ao estádio da municipalidade parnaibana. Dentro das quatro linhas, um primeiro tempo relativamente equilibrado, com o placar parcial apontando empate sem gols e uma grande expectativa do torcedor local para os 45 minutos finais. Sair dali sem uma vitória seria praticamente entregar o returno ao time de Piripiri.

Mas os gols que faltaram no 1° tempo, vieram na fase final. E vieram bem cedo, já que aos 3 minutos, Da Silva abria o caminho para a vitória do Tubarão, aproveitando um passe açucarado do volante Alessandro. E foi o mesmo Alessandro, um dos melhores em campo, quem teve grande participação no segundo gol, anotado por Felipe, aos 19 minutos. O Parnahyba começava a definir sua vitória.

Quando o goleiro Robinho fez pênalti em Da Silva e o próprio atacante pegou a bola para bater a falta máxima, a torcida teve a certeza de que a fatura estava liquidada. Mas não estava. Da Silva chutou e Robinho defendeu. O 4 de Julho continuava no jogo. Mas o artilheiro também continuava lá. E ele não demorou para se redimir. Com um chute forte, de fora da área, balançou as redes de Robinho pela segunda vez e assinalou o seu 12° gol no campeonato piauiense, isolando-se na artilharia da competição.

Gol que deu números finais ao marcador, consolidando a vitória do Parnahyba por 3 a 0. Com este resultado, o time do litoral precisa apenas empatar nos 90 nminutos, domingo próximo, em Piripiri. Se houver vitória do 4 de Julho, a decisão vai para a prorrogação, onde, então, por ter melhor índice técnico no returno, será a vez do 4 de Julho jogar pelo empate.

FICHA TÉCNICA

PARNAHYBA 3x0 4 DE JULHO (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Fase Final - 1° jogo); Data: 31/07/2011 (domingo); Local: Estádio Mão Santa (em Parnaíba); Arbitragem: Antônio Santos Nunes, auxiliado por Carlos Lustosa Filho e José Nilton da Costa.

Renda: R$ 12.805,00 com 2.052 pagantes.

Gols: Da Silva 3, Felipe 19 e Da Silva 39 do 2° tempo.

Obs.: Da Silva perdeu um pênalti, aos 37 do 2° tempo, chutando para Robinho defender.

Parnahyba - Beto; Jorginho (Pio), Marcos Gasolina, Gilmar Bahia e Wagner Caucaia; Alessandro, Jack Chan, Idelvando e Isac; Da Silva e Marcinho (Felipe). Técnico: João Batista dos Santos Filho.

4 de Julho - Robinho; Wilsinho, Renan, Paulo Maranhão e Dacha; Juninho, Binha, Cleitinho e Lira; França e Pretinho (Alex Paraíba). Técnico: Jorge Pinheiro.

FONTE:SEVERINO FILHO (BUIM)ACESSEPIAUI

Nenhum comentário:

PREVISÃO DO TEMPO NAS PRINCIPAIS CIDADES DO PIAUÍ

Globo e Band