Procure no Blog

9 de mai de 2011

FUTEBOL DO PIAUI 2011: SEXTA RODADA CHEIA DE GOLS E NOVO LIDER DO PIAUIENSE

No jogo que reuniu o melhor público do Campeonato Piauiense em partidas disputadas na capital, River e Flamengo atuaram na tarde/noite deste domingo (08), no Estádio Municipal Lindolfo Monteiro, com evidente superioridade do time tricolor que, ao final dos 90 minutos, saiu vencedor pelo placar de 3 a 0, levando para a sede tricolor o troféu alusivo ao dia das mães, intitulado Elvira Raulino.

Ao que pese tratar-se de um clássico, onde normalmente o jogo é marcado pelo equilíbrio, no caso do Rivengo deste domingo a verdade não foi bem esta. O River foi superior, mais consistente, mais objetivo, e, o que é fundamental no futebol, mais eficiente nas conclusões. Sem falar que o goleiro Carlos Henrique também andou operando defesas difíceis.

O primeiro gol só aconteceu aos 29 minutos, quando Neném aproveitou uma bola que sobrou entre ele, Laércio e Nilsinho. Livre, chutou na saída do goleiro e colocou o River na frente. Um gol merecido, para quem estava melhor em campo. O Flamengo errava e proporcionava ao River a ampliação do marcador. O primeiro tempo já estava no final quando uma indecisão do zaga rubro-negra permitiu que Diego Torres marcasse o segundo sem muitas dificuldades.

Na fase complementar o panorama não se modificou. Senhor das ações, o River fez o que todos já esperavam: aumentou sua vantagem, agora através de penalidade máxima, aos 17 minutos, através do mesmo Diego Torres que já fizera 2 a 0 anteriormente. A rigor, um resultado que foi até injusto em face das muitas outras oportunidades que o River criou e não teve competência para transforma-las em gol. Ao Flamengo, coube tentar conter o ímpeto do rival, o que foi muito mais difícil depois que o cansaço tomou conta de alguns jogadores e o time ainda ficou com um homem a menos, com a expulsão de Jonierick.

Depois do jogo, o River recebeu o troféu Elvira Raulino, entregue pela jornalista ao atleta Diego Torres. A derrota no clássico deixou o Flamengo mais distante do G4 – a zona de classificação para a fase semifinal. Com 6 pontos ganhos, o time do treinador Valter Maranhão permanece em quinto lugar. O River, que venceu o clássico, é terceiro, com 12 pontos, atrás apenas de Comercial e Parnahyba, que estão com 13 pontos ganhos. A zona de classificação ainda tem o 4 de Julho, com 9 pontos ganhos.

Neste flagrante, ataque perigoso do time tricolor contra a meta guarecida por Carlos Henrique. A cabeçada vai com endereço certo, mas o goleiro do Flamengo - fora da foto - vai operar mais uma excelente defesa (Foto: Severino Filho).

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 0x3 RIVER (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais – 1° turno – Taça Estado do Piauí – 6ª rodada); Data: 08/05/2011 (domingo); Local: Estádio Albertão (em Teresina); Arbitragem: Leonardo Marques Fortes, auxiliado por Carlos Lustosa Filho e Izaura de Sousa e Silva.

Renda: R$ 6.886,00 com 869 pagantes.

Gols: Neném 29 e Diego Torres 45 do 1° tempo; Diego Torres (pênalti) 17 do 2°.

Expulsão: Jonierick, aos 38 do 2°, por atitude inconveniente.

Flamengo – Carlos Henrique; Laércio (Magno), Wenderson e Alisson; Maurício, Zuza, Marcelo Sá, Thiago Santos (Wagner) e Thiago Paulista; Buda (Jonierick) e Marcelinho. Técnico: Valter Lima Vieira (Valter Maranhão).

River – Fábio; Ângelo, Índio, Leandro e Moisés; Jonas, Nilsinho (Antônio Carlos), Ernesto Júnior (Thiago Maia) e Diego Torres; Neném (Ranielson) e Diego. Técnico: Oliveira dos Santos Lopes (Oliveira Canindé).

EX- INVICTO PARNAHYBA PERDE EM PIRIPIRI PARA O COLORADO

Num jogo de grande nível técnico e um bom público presente ao Estádio Ytacoatiara, o 4 de Julho venceu o Parnahyba na noite deste sábado (07), por 1 a 0, caindo o último invicto da competição. O goleiro Beto foi o grande nome do jogo, mas não conseguiu evitar, a 10 segundos do segundo tempo, que o 4 de Julho marcasse o gol que decidiu a sorte da partida.

O Colorado começou a todo vapor. O cronômetro ainda nem chegara a 20 segundos e Jandir já quase abre a contagem. Mais tarde, ele mesmo chutou com perigo aos 7 minutos e depois obrigou ao goleiro Beto a prática de uma defesa espetacular, evitando que o 4 de Julho marcasse o primeiro gol. Era apenas o começo de uma grande atuação do goleiro do Parnahyba.

Lira também sentiu o sabor do quase gol quando, aos 34 minutos, chutou com endereço certo e Beto operou outro milagre. Um grande jogo, equilibrado, com dois grandes times em campo, é verdade, mas onde o time da casa andou muito mais perto de abrir a contagem. Tanto que Beto foi o grande destaque do primeiro tempo.

Para o segundo tempo, o 4 de Julho usou a mesma receita e desta vez deu certo. Foi ataque e abriu a contagem a apenas 10 segundos, num chute de Cleitinho que Beto não conseguiu defender. Com 1 a 0 no placar, o 4 de Julho puxou o freio de mão e o jogo ficou bem mais equilibrado. Aos 21 minutos, Beto evita que Pretinho marque o segundo em outra excelente defesa. Três minutos depois, nova grande defesa de Beto. Aos 42 minutos, Robinho salva o que seria o empate.

Ao final dos 90 minutos, vitória colorada e destaque especial para o goleiro Beto. Com este resultado, caiu o líder e último invicto do Campeonato Piauiense. O 4 de Julho agora passa a somar nove pontos ganhos e se mantém na zona da classificação.

FICHA TÉCNICA


4 DE JULHO 1x0 PARNAHYBA (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais – 1° turno – Taça Estado do Piauí – 6ª rodada); Data: 07/05/2011 (sábado à noite); Local: Estádio Ytacoatiara (em Piripiri); Arbitragem: Francisco Pereira de Lima Júnior, auxiliado por João Thiago Carvalho Reis e Mauro Cezar Evangelista de Sousa.

Gol: Cleitinho 10 segundos do 2° tempo..

4 de Julho – Robinho; Wilsinho, Renam, Paolo Rossi e Dacha; Juninho, Binha, Cleitinho (Cláudio) e Lira; Pretinho (Pedra Preta) e Jandir. Técnico: Paulo Maurício de Oliveira.

Parnahyba – Beto; Jorginho, Pedro, Gilmar Bahia e Armeiro; Alessandro, Luciano, Totonho (Marcinho) e Idelvandro; Da Silva e Joniel. Técnico: João Batista dos Santos Filho.

COMERCIAL FOI A PICOS VENCEU A SEP E GARANTINDO ASSIM A LIDERAÇÃO

Com uma apresentação convincente, o time do Comercial de Campo Maior repetiu o feito do ano passado e venceu a Sociedade Esportiva de Picos na cidade modelo. Com um jogo equilibrado e cheio de alternativas para os dois lados, prevaleceu o melhor time do momento no futebol piauiense. Jogando neste sábado no estádio Helvídio Nunes de Barros, em Picos, o Comercial foi firme na defesa com o zagueirão Arnaldo Carioca, considerado o melhor jogador em campo, e forte nos contra-ataques.

Na metade do segundo tempo o atacante Crislan saiu contundido para a entrada e estréia de Popó que veio do Ytapipoca do Ceará e fez a diferença. Aos 34 minutos do segundo tempo, na primeira oportunidade que teve para chutar ao gol, Popó guardou a bola nas redes da equipe de Picos, dando assim a vitória fora de casa ao Comercial.

NOVO LÍDER

Com a vitória o Comercial chega a 13 pontos e assume a lidernaça de vez. Com a derrota do Parnahyba em Piripiri para o 4 de Julho por 1x0, o time do litoral para nos mesmo 13 pontos do Comercial, mas perde nos critérios de desempate. O Comercial fica com 2 gols de saldo a mais que o Parnahyba.

Próximo confronto do Comercial será contra o Flamengo de Teresina no estádio Deusdeth de Melo em Campo Maior no próximo sábado (14) às 15h45. A torcida deverá marcar presença em peso para incendiar o jogo e empurrar o time a mais uma vitória no campeonato e se tornar líder absoluto.


PRINCESA DO SUL E PIAUÍ ESPORTE CLUBE NÃO PASSAM DE UM EMPATE


Dando sequencia à sexta rodada da Taça Estado do Piauí - o 1° turno do Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais, Princesa do Sul e Piauí, os dois últimos colocados da competição, jogaram na noite deste sábado (07), no Estádio Tibério Nunes, em Floriano, e terminaram os 90 minutos com um resultado que não serviu para nenhum deles - o empate de 2 a 2 que os mantém do jeito que estavam - na lanterna.

O jogo foi equilibrado e o Piauí saiu na frente, com gol do atacante Jessé. Apoiado pelo reduzido número de torcedores que compareceu ao Tiberão, o Princesa chegou ao empate através de Bruno, ainda no primeiro tempo. Posteriormente, veio a virada, com gol do experiente Vanin. Mas o mesmo Jessé que abriu a movimentação do placar também deu números finais ao marcador, assinalando o empate da equipe da capital.

Os dois times permanecem sem vencer na competição. O Princesa do Sul agora passa a somar 1 ponto ganho, permanecendo na última colocação, enquanto o Piauí, agora com 2 pontos, é o penúltimo. A arbitragem na cidade de Floriano foi de Antônio José Lopes Trindade de Sousa, auxiliado por Rogério Braga e Antônio Sérgio de Sousa Araújo.

FONTE:SEVERINO FILHO (BUIM) ACESSEPIAUI

Nenhum comentário:

PREVISÃO DO TEMPO NAS PRINCIPAIS CIDADES DO PIAUÍ

Globo e Band