Procure no Blog

21 de jul de 2010

CAMPEONATO BRASILEIRO DA SÉRIE D 2010: FLAMENGO REALIZOU SEU PRIMEIRO COLETIVO DA SEMANA E RECEBE UM CAMPEÃO PIAUIENSE COMO REFORÇO


Na tarde de hoje, o Esporte Clube Flamengo realizou o seu primeiro coletivo da semana, visando o jogo do próximo domingo no estádio Albertão, essa partida está marcado para as 17 horas.

O técnico Paulo Morone revelou na noite de hoje que o time Rubro Negro piauiense pode sofrer modificações, até mesmo porque alguns de seus jogadores não estão bem técnicamente, entre ele4s Ricardo Oliveira que nem mesmo ser escalado para o jogo de domingo.

Morone destacou também a chegada do lateral esquerdo Thiaguinho, que foi campeão piauiense vestindo a camisa do Comercial de Campo Maior. Thiaguinho chegou na tarde de hoje e foi direto ao estádio Albertão se apresentar ao técnico Paulo Ricardo Morone.

O treinador Rubro Negro destacou a importância da rodada dupla aqui em Teresina no estádio Albertão, para ele será uma oportunidade que ele vai ter para analisar seu próximo adversário o time do Sampaio Correa.

O Flamengo volta aos treinos amanhã, na parte da tarde no gigante da Redenção, neste treino Paulo Morone já deverá define sua equipe para o jogo contra o Sampaio. Morone também lembrou que a presença do torcedor deverá ser fundamental para este jogo.

FLAMENGO X SAMPAIO CORREA

ALBERTÃO

17 HORAS

INGRESSOS

GERAL= 10,00

ARQUIBANCADA= 15,00

CADEIRAS= 20,00

MULHER NÃO PAGA

Um comentário:

Anônimo disse...

Uma lição para o futebol piauiense essa matéria:

CSA PEDE AJUDA DO MP E DA POLÍCIA PARA CONTROLAR “CARTEIRADAS”
O presidente do CSA, Jorge VI, denunciou ao Ministério Público e a Secretaria de Defesa Social, que a prática das “carteiradas” continua ocorrendo livremente nos jogos realizados em Maceió. Segundo ele, na última partida do CSA no Rei Pelé, contra o Vitória, válida pelo Campeonato do Nordeste, o clube registrou 500 acessos de pessoas se apresentando como autoridades, e que assistiram ao jogo sem pagar pelo ingresso.

Jorge VI encaminhou uma carta à imprensa relatando a denúncia feita ao Procurador geral do estado, Eduardo Tavares, e ao secretário Paulo Rubim. Na carta, o presidente do CSA apela às autoridades para que ajudem “em relação ao excesso de ‘carteiradas’ existentes durantes os nossos jogos. Por lá aparecem todo tipo de ‘autoridade’, que além de requisitarem a gratuidade no espetáculo, alguns se sentem no direito de oferecer a mesma condição a familiares e conhecidos que por ventura estejam no momento das suas entradas”.

Na carta denúncia, o presidente diz que, para tentar driblar qualquer tipo de obstáculo, as pessoas que costuma dar “carteirada”, chegam ainda na abertura dos portões, pelo menos duas horas antes do início do jogo. E Jorge VI vai além, afirma que “com ‘essa cultura’, a renda fica prejudicada ocasionando sérios problemas para o cumprimento dos nossos compromissos”.

PROVIDÊNCIAS

O CSA está tentando correr atrás do prejuízo e tomar providências sobre os excessos de acessos livres. Para isso, foi contratada uma empresa de São Paulo especializada na gestão de ingressos, chamada INGRESSSOFÁCIL. É a mesma que administra o Maracanã, Pacaembú e outros grandes estádios do país. Além disso, no portão destinado às credenciais, serão colocados porteiros e catraqueiros munidos de câmaras de fotografias e celulares com a finalidade de fotografar e filmar todos os documentos das autoridades.

No dia seguinte, as fotos e filmes dos documentos serão enviados a todos titulares das respectivas instituições a qual as autoridades fazem parte, com cópia para as respectivas corregedorias. A diretoria mudou ainda parte do quadro de funcionários que trabalham nos dias de jogos.

As medidas já começam a valer no próximo domingo, na partida do CSA contra o Confiança-SE, às 16h, no Estádio Rei Pelé. Na quarta feira (28) será a vez do Ceará, às 20h, no mesmo local.

PREVISÃO DO TEMPO NAS PRINCIPAIS CIDADES DO PIAUÍ

Globo e Band