Procure no Blog

13 de nov de 2009

COPA PIAUÍ 2009: SERGINHO RECUPERADO, NETO ASSUME RIVER, PIAUÍ QUER SURPREENDER E PICOS AINDA SEM DEFINIÇÕES





Sem o capitão Emerson e o lateral esquerdo Fabiano. É assim que o técnico Maurício Simões terá que armar a Sociedade Esportiva de Picos para o jogo de volta diante do River, na noite de amanhã, no Estádio Helvídio Nunes, em Picos. Nada que o preocupe em demasia, pois também contará com o retorno de Ticô.

Cauteloso, o técnico da SEP preferiu nada comentar sobre como resolverá o problema do setor esquerdo de sua defesa. Após o jogo no Lindolfo Monteiro, quando procurado pelo Acessepiauí, limitou-se a afirmar que “qualquer declaração agora pode soar contra mim mesmo”. O time se reapresentou ontem (12) à noite e hoje volta a treinar visando o decisivo jogo diante do Galo.

A expectativa no município modelo é de casa cheia. Todos acreditam na classificação da SEP, mas para isso será necessário vencer nos 90 minutos, uma vez que não há vantagem no tempo normal. Quem vencer conquista a vaga e o empate leva a partida para a prorrogação. Neste tempo-extra é que a SEP jogará pelo empate.

Nos confrontos deste ano, vitória para cada um (River 1x0 e SEP 1x0, ambos em Picos) e dois empates (3x3 e 1x1, ambos em Teresina). A vitória do River foi em jogo amistoso, antes da Copa Piauí.


SERGINHO RECUPERADO VOLTA AMANHÃ NA RADADA DECISIVA

A volta do zagueiro Serginho Matogrossense, recuperado da contusão que o afastou dos últimos jogos, pode ser a principal novidade que o técnico Valter Maranhão terá para definir o time do Flamengo que inicia a partida deste sábado, diante do Piauí, quando um simples empate colocará o campeão piauiense na final da IV Copa Piauí.

Nesta sexta-feira (13) haverá um trabalho relativamente leve, oportunidade em que o treinador rubronegro irá definir a relação dos 18 atletas que irão para o jogo diante do Piauí. Desde o final do jogo passado, quando venceu por 4 a 1, que Valter Maranhão fez questão de afirmar que nada está ganho e que o Piauí tem um time que merece ser respeitado. "O Flamengo ganhou a primeira partida, mas ainda temos 90 minutos pela frente, onde teremos que ter bastante atenção para não sermos surpeendidos".

Invicto há 21 jogos diante de equipes do futebol piauiense, o time do Flamengo não tem problemas para o compromisso contra o Enxuga Rato. Pelo contrário. Valter tem muitos jogadores - cerca de 26 - e apenas 18 vão para o jogo. De todos os jogadores do plantel, somente dois ainda não jogaram na Copa Piauí: o goleiro Dé e o meia Thomas. Mas ambos devem ser relacionados para o compromisso deste sábado.

Quanto ao retorno de Serginho, a dúvida é saber quem sai da equipe. No miolo de zaga, por exemplo, estão jogando Marcelão e Alessandro. Valter pode tirar um ou outro, mas apenas para poupar, uma vez que a dupla não comprometeu. O setor defensivo deve ser o mais recomendado para o jogo contra o Time da Garotada, uma vez, não sofrendo nenhum gol, o time garante a vaga, mesmo que também não o faça.


PIAUÍ ESPERA SURPREENDER O FLAMENGO AMANHÃ NO ÚLTIMO JOGO DA SEMI-FINAL

Embora tenha amargado a sua sexta derrota para o Flamengo nesta temporada, e levar a desvantagem de ter que vencer nos 90 minutos para forçar uma prorrogação - onde o adversário jogará pelo empate - o clima no Piauí Esporte Clube é de otimismo. Todos admitem que a classificação ficou mais distante, mas ninguém duvida que o time possa se superar e aprontar uma surpresa.

O técnico Francisco Mendes (Nena) deve mudar a formação da equipe, que alternou bons e maus momentos durante o compromisso de quarta-feira, inclusive demorando a se encontrar em campo, o que permitiu ao adversário colocar 2 a 0 em apenas 21 minutos. "Também pecamos no momento de reagir, pois fizemos um gol aos 33 e logo permitimos que o adversário ampliasse", reconhece o treinador.

O retorno do artilheiro Índio ao time principal é uma das modificações que podem ser processadas. Nada, porém, foi confirmado pelo treinador. Um dos destaques dos últimos jogos tem sido o volante Eder, que ganhou a posição de titular na metade da competição. Contra o Flamengo, ele foi várias vezes ao ataque e subiu bem para marcar, de cabeça, o gol rubroanil.

Avaliando a campanha do time, o presidente Antonio Gomes das Neves está convicto de que o trabalho está dentro do cronograma traçado já há algum tempo. "Esse time está ganhando experiência. Os frutos virão no próximo ano e, quem sabe, em pouco tempo, com títulos", afirma Das Neves. A reapresentação do time aconteceu na tarde desta quinta-feira (12). Hoje os trabalhos terão sequencia com um treino onde Nena irá definir o time que vai começar jogando a decisiva partida de amanhã.

SAI TILÍCO ASSUME NETO CAMARÇO PARA UM NOVO DESAFIO

Não deu para entender. Embora com o time classificando-se como um dos quatro semifinalistas da IV Copa Piauí e mantendo igualdade de condições para o jogo de volta, diante da SEP, na cidade de Picos, onde quem vencer estará na final da competição, a diretoria do River Atlético Clube dispensou os trabalhos do técnico Mário de Oliveira Costa, o Mário Tilico.

Um projeto que foi planejado no meio do ano, com resultados a serem verificados em três etapas - a última delas após a Copa Piauí -, foi abortado pelo simples fato do time não ter ganho da Sociedade Esportiva de Picos. Um procedimento totalmente equivocado e que apenas reflete o amadorismo dos dirigentes em algumas posições tomadas, provavelmente, por uma forte emoção.

Ao contrário de grandes clubes do país quando estruturados, que elaboram planejamento de uma comissão técnica durante, pelo menos, um ano, e muitas vezes se estendendo por dois ou três, dependendo dos resultados, a equipe tricolor preferiu agir como muitos também o fariam quando o futebol deixa de ser profissional para ser movido simplesmente pelo coração.

Mas aí também não há explicação que possa convencer, pelo menos em números. Mário Tilico treinou o River em 13 jogos, sendo 11 deles pela Copa Piauí. Neste período, o River conquistou 6 vitórias, 6 empates e 1 derrota. E a única derrota, por 1 a 0, dentro de Picos. Um aproveitamento relativamente bom para quem está iniciando um trabalho que, no início, visava montar a base para 2010.

Se a vaga para a Série D de 2010 passou a ser proridade, Tilico também não comprometeu. Deixou o time classificado para a fase semifinal e em condições de igualdade com seu adversário que, só terá vantagem do empate se o decisão for para a prorrogação. Mas o River pode vencer, mesmo sem Tilico. Inclusive porque, com ele, também venceu dentro de Picos, antes da Copa Piauí. E, àquela oportunidade, sem vários reforços que chegaram mais tarde, como Máiquel e Clodoaldo.

Mas a Era Tilico passou e agora o time treina sob o comando do ex-auxiliar Neto Camarço, que deve definir ainda hoje o grupo que irá seguir viagem para a cidade de Picos. No município modelo, só a vitória interessa, no tempo normal ou na prorrogação. E quanto a um novo técnico para 2010, a diretoria deve pensar em novo nome assim que a competição termine para o time tricolor.

FONTE: SEVERINO FILHO (BUIM) ACESSEPIAUÍ

Nenhum comentário:

PREVISÃO DO TEMPO NAS PRINCIPAIS CIDADES DO PIAUÍ

Globo e Band