Procure no Blog

8 de out de 2009

COPA PIAUÍ 2009:TERCEIRA RODADA ACONTECEU RECHEADAS DE GOLS






Com uma atuação de gala do atacante Ricardo Oliveira, autor de três gols, o River foi a Floriano e não fez cerimônia na festa de abertura do Estádio Tibério Nunes, atropelando o Cori-Sabbá local com uma goleada de 5 a 1, repetindo o mesmo placar imposto ao Piaui. Com o empate do Flamengo em Teresina, o Tricolor agora é lider isolado.

O jogo começou com o Cori-Sabbá buscando a vitória logo nos primeiros minutos. Conseguiu, com apoio da torcida, mostrar um bom futebol, mas quando o River resolveu acordar não houve como segurar o ataque tricolor. E Ricardo Oliveira se encarregou de fazer o seu nome com a marcação de três gols ainda na fase inicial.

No segundo tempo, com a vantagem de três gols, o River procurou cadenciar o jogo e terminou levando um gol aos 25 minutos, quando o árbitro Afonso Amorim assinalou penalidade máxima. O meia Jáder cobrou e diminuiu para 3 a 1. Logo em seguida, porém, Índio jogava água na reação do adversário, completando para o gol um chute de Maranhão. O gol que daria números finais ao placar foi marcado aos 41 minutos, através de Diego, num chute forte sem chances para o goleiro Amorim.

FICHA TÉCNICA

CORI-SABBÁ 1x5 RIVER (IV Copa Piauí - Fase Classificatória - 3ª rodada); Data: 07/10/2009 (quarta-feira à noite); Local: Tibério Nunes (em Floriano); Arbitragem: Afonso Amorim de Sousa.

Gols: Ricardo Oliveira 31, Ricardo Oliveira 43 e Ricardo Oliveira 44 do 1º tempo; Jader (pênalti) 25, Índio 35 e Diego 41 do 2º.

Cori-Sabbá - Amorim; Niel, Lira, Lenilson e Hitalo; Patrício Pitbul, Bibi (Pancinha), Juliano e Jader; Romário (Gilvanzinho) e Bruno (Pelezinho). Técnico: Rilmar Barbosa (Mocó).

River - Fábio; Jorginho, Índio, Júnior Soares e Tiaguinho; Daniel da Roça (Wallyson), Marquinhos, Neto (Lúcio) e Diego; Ricardo Oliveira (Clodoaldo) e Cleitinho (Maranhão). Técnico: Mário Tilico.
PIAUÍ SURPREENDE E ARRANCA EMPATE DIANTE DO FLAMENGO

Ele é pequeno, tem 17 anos, está apenas começando, mas fez um gol de gente grande, de craque consagrado. O camisa 6 do Piauí, Felipinho (como quer ser chamado), fez o gol que determinou o empate com o Flamengo, na noite de hoje (07), no Estádio Lindolfo Monteiro, quando pouca gente acreditava nos comandados de Nena.

O Flamengo não jogou bem. O time não conseguiu fazer uma grande exibição e o gol marcado no primeiro tempo, por Marcelo Sá, com a cabeça, aproveitando uma bola levantada na área pelo lateral Tote, deu apenas uma falsa impressão de que o jogo seria fácil. O Piauí foi crescendo de forma gradativa e depois chegou até a mandar no jogo.

O técnico Moroni, vendo que o seu time estava se expondo a cronta-ataques, fez substituiçõe e deu ordem para os volantes não subirem. Binha e Marcelo Sá teriam de ficar na proteção da zaga, enquanto Zuza, que saiu do meio para a ala esquerda, após a saída de Igor, também foi orientado para "ir só na boa".

O empate, aos 21 minutos, com um chute de Felipinho no ângulo superior direito de Herivelton, apenas premiava o time que começava a tocar melhor a bola. E foi assima té o final do jogo, com o meia Cleiton Alves perdendo a melhor oportunidade para empatar, após ótima triangulação do ataque rubroani. O empate terminou sendo justo.

Se o resultado não foi dos melhores para o marketing do Rivengo de sábado, valeu pelo gol de Felipinho. Valeu pela força de vontade do jovem time do Piauí que, agora, mostrou que não entrou na disputa como saco de pancada. O público é que não foi o esperado, mas a expectativa de melhora no clássico Rivengo continua bem viva entre os dirigentes do Flamengo.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 1x1 PIAUÍ (IV Copa Piauí - Fase Classificatória - 3ª rodada); Data: 07/10/2009 (quarta-feira à noite); Local: Lindolfo Monteiro (em Teresina); Arbitragem: Leonardo Marques Fortes, auxiliado por Carlos Lustosa Filho e Wanderson dos Santos Lima.

Gols: Marcélo Sá (cabeça) 40 do 1º tempo e Felipinho 21 do 2º.

Flamengo - Herivelton; Marcelão, Serginho Matogrossense e Láércio (Niel); Tote, Binha, Zuza, Antonio Carlos (Thiago Maia) e Igor (Jonierick); Roni e Marcelo Sá. Técnico: Paulo Ricardo Moroni.

Piauí - Lucas; Thiago, Luan e Eder; Pedro Neto (Índio), Ronaldo, Bezerra, Cleiton Alves e Felipinho (Miller); Mineiro (Guilherme) e Mathias. Técnico: Francisco das Chagas Mendes (Nena).


SOCIEDADE ESPORTIVA DE PICOS VENCE COM DOIS GOLS DE RIGOBERTO

Repetindo a mesma história do jogo de estréia, quando venceu o Piauí por 2 a 0, gols na fase complementar, a Sociedade Esportiva de Picos derrotou o 4 de Julho na noite desta quarta-feira (07), pelo mesmo placar e mais uma vez guardando para o segundo tempo a emoção do gol. E foi do artilheiro Rigoberto os dois gols que cidiram a partida.

Rigoberto completou três gols na competição e ficou a apenas um do riverino Ricardo Oliveira. O time teve uma atuação satisfatória, com o técnico Maurício Simões, ao final dos 90 minutos, gostando do resultado positivo que mantém a equpe com 100% da aproveitamento dentro do Estádio Helvídio Nunes.

Resultado que o 4 de Julho tentou evitar, com um esquema cauteloso, mas que não funcionou na fase final. Na volta do intervalo, Picos foi melhor e aproveitou a visão de gol do seu principal artilhero depois que o time retornou ao futebol profissional em 2007. Com esta vitória, a SEP passa a somar 6 pontos e encosta no vice-lider Flamengo, que tem 7.


FONTE:SEVERINO FILHO (BUIM0 ACESSIPIAUÍ

Nenhum comentário:

PREVISÃO DO TEMPO NAS PRINCIPAIS CIDADES DO PIAUÍ

Globo e Band